Polícia Civil identifica criminosos responsáveis por assassinar policial em Porto Alegre

0
159
(Foto: Reprodução/Twitter)

A Polícia Civil prendeu os responsáveis pela morte do policial Gustavo de Azevedo Barbosa Júnior, 26 anos, atingido por um tiro na Praça Guia Lopes. Ele chegou a passar por atendimento no Hospital de Pronto Socorro (HPS), mas não resistiu ao ferimento.

Por volta das 3h15min desta quarta-feira (10) o soldado da Brigada Militar (BM) foi morto com um tiro na cabeça durante confronto próximo à Avenida Teresópolis, na zona sul de Porto Alegre. Ele e outro agente da brigada haviam feito uma abordagem a criminosos que estavam em um carro roubado.

Após o crime, três homens fugiram a pé e deixaram o veículo no local. Uma mulher, de 23 anos, que supostamente estaria com o trio, foi levada para prestar depoimento. A Polícia Civil analisa imagens de câmeras de segurança que teriam registrado o momento da ação. O carro havia sido roubado nesta terça-feira (9), na Rua Álvaro Guterres.

O governador do estado, Eduardo Leite, e o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Jr., lamentaram a situação via rede social.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui