Connect with us

Esporte

O Inter goleou o Atlético-GO por 3 a 0 e assumiu a liderança do Brasileirão

Publicado

dia

Com a vitória, o Inter assumiu a liderança do Brasileirão, com 9 pontos. (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

O Inter recebeu, na noite dessa quarta-feira (19), o Atlético-GO no Estádio Beira-Rio e goleou o visitante por 3 a 0. Os gols foram marcados por Musto e Thiago Galhardo, duas vezes. Com a vitória, o Colorado chegou aos 9 pontos e assumiu a liderança do Brasileirão.

Logo no primeiro lance mais agudo da partida, o time de Goiânia pulou na frente do marcador quando Marlon Freitas acionou rapidamente Matheuzinho no plano ofensivo e o meia-atacante teve grande visão de jogo para notar Marcelo Lomba adiantado e encobrir com um bonito toque o arqueiro do Inter. Todavia, após revisão da arbitragem por meio do VAR, o tento acabou sendo anulado.

O cenário já esperado com o Colorado tomando a iniciativa de trocar passes e aplicar a sua intensidade de jogo para forçar o erro de marcação do Atlético se mostrou durante a maioria do tempo na etapa inicial. Todavia, os espaços eram curtos e as oportunidades onde o Inter realmente fez o goleiro Jean trabalhar acabaram sendo o lance formulado pelo jovem Peglow onde, no cruzamento, Marcos Guilherme bateu em gol para o camisa 1 espalmar pela linha de fundo além de Willian Pottker, da altura da meia-lua, batendo forte onde Jean pulou bem e espalmou pra fora.

Na base dos contra-ataques, o Dragão parecia “afiado” para se aproveitar dos equívocos na movimentação dos donos da casa e, mediante as linhas avançadas que encontrava, posicionava Matheuzinho, Everton Felipe e Hyuri a ponto de saírem sempre apostando corrida com a zaga do Inter. Panorama esse onde, por pelo menos três vezes além do gol anulado no início, poderia ter aberto a contagem.

Segundo tempo

O segundo tempo também teria um gol nos minutos iniciais – só que desta vez ele valeu. Aos 6min, Peglow cobrou escanteio da esquerda, e Musto completou de cabeça para a rede.

Leia também:  Em seu segundo tropeço consecutivo no Brasileirão, o Inter perdeu de 1 a 0 para o Fortaleza e não é mais o líder do campeonato

Cinco minutos depois, os gaúchos ficaram com um a menos por conta de uma agressão de William Pottker em Edson, o que rendeu um cartão vermelho direito ao substituto de Guerrero – o peruano sofreu lesão grave no joelho e está fora da temporada.

Apesar da desvantagem numérica, os donos da casa ampliaram a vantagem aos 23min. Patrick fez bela jogada individual, finalizou com categoria e acertou a trave. Thiago Galhardo, que tinha entrado nove minutos antes, mandou para a rede no rebote.

Aos 42min, Thiago Galhardo foi derrubado na área pelo goleiro Jean, e o árbitro marcou o pênalti. O próprio Thiago Galhardo converteu a cobrança e fechou a conta.

O próximo desafio do Colorado é contra Atlético-MG, que ocupa a vice liderança. O jogo está marcado para este sábado (22), às 19h, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Ficha técnica

Internacional: Marcelo Lomba, Rodinei, Zé Gabriel, Víctor Cuesta, Matheus Jussa, Musto, Praxedes (Edenílson), Marcos Guilherme (Rodrigo Lindoso), Patrick (Moisés), Peglow (Thiago Galhardo). Técnico: Eduardo Coudet.

Atlético-GO: Jean, Moacir (Chico), Éder, Gilvan, Nicolas, Edson, Marlon Freitas, Matheuzinho (Vitor), Jorginho (Matheus Vargas), Everton Felipe, Hyuri (Júnior Brandão). Técnico: Vagner Mancini.

Arbitragem: Wagner Reway (PB), auxiliado por Oberto da Silva Santos (PB) e Kildenn Tadeu Morais de Lucena (PB). VAR (árbitro de vídeo): Rodolpho Toski Marques (PR).

 

O Sul

Continue lendo
Patrocinado
Clique para comentar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Após estreia vitoriosa com o São Luiz, Lucas Crispim projeta novo reencontro pela Série D

Publicado

dia

Por

Fotos Anexadas: Divulgação/EC São Luiz

Presente na estreia do São Luiz na Série D, Lucas Crispim saiu vitorioso no seu reencontro com o Tubarão. O Rubro foi até Santa Catarina e venceu o Peixe por 1 a 0, pela primeira rodada do grupo A-8. No próximo sábado (26), o meia-atacante terá um novo reencontro, desta vez com o São Caetano — onde atuou em 2018.

“Fico feliz pela vitória no meu reencontro com o Tubarão e espero que também seja assim contra o São Caetano. O time deles vem de derrota na estreia e busca uma reabilitação dentro do grupo. Creio que vai ser uma partida difícil, mas temos trabalhado bem ao longo da semana e a expectativa é de que possamos fazer mais um bom jogo”, avaliou o atleta, de 26 anos.

Lucas Crispim também exalta a atuação do São Luiz na estreia da Série D. Além disso, projeta a sequência da primeira fase pela equipe gaúcha.

“O time todo está de parabéns pela atuação na estreia. Conseguimos adquirir um bom entrosamento durante o período de preparação e iniciamos o torneio muito bem. Agora é manter o foco para as próximas rodadas”, finalizou.

São Luiz e São Caetano se enfrentam no sábado, às 17h. A partida acontece no estádio 19 de Outubro, em Ijuí (RS).

Fotos Anexadas: Divulgação/EC São Luiz

Continue lendo

Esporte

No segundo Grenal da Libertadores, Grêmio supera o Inter e vence a partida por 1 a 0

Publicado

dia

Por

Foto: Ricardo Duarte / S.C. Internacional

Na noite dessa quarta-feira (23), a dupla Grenal se enfrentou pelo segundo Grenal na história da Libertadores.

E nas escalações já começaram as surpresas. Do lado do Inter, na lateral esquerda quem tomou a titularidade foi Matheus Jussá, já que o lateral Uendel está confirmado com COVID-19. Já do lado tricolor, a volta de Kannemann e Pepê marcaram mudanças no time.

A bola rolou e os times começaram se conhecendo, várias bolas recuadas para os goleiros, e os dois apostando na troca de passes. Aos 4′, o Grêmio tentou atacar em um cruzamento com Cortez, mas Zé Gabriel chegou antes para chutar para a fora, garantindo o escanteio tricolor.

Aos 7′ minutos, mais uma tentativa do lado azul, em um contra-ataque rápido Orejuela tocou para Alisson que, marcado por Cuesta, chutou para fora.

Aos 10′, o Inter foi ao ataque, Boschilia tentou o cruzamento mas foi bloqueado por Orejuela.

O jogo se manteve frenético, com os dois times procurando o jogo, investindo muito na troca de passes, tentando infiltrar na área adversária, mas sem muita objetividade no ataque, que não era concluído com facilidade. Aos 15′, falta perigosa de longa distância para o Inter, Saravia cobrou mas a bola foi para a linha de fundo.

Aos 18′, primeiro cartão. Rodrigo Lindoso chegou forte no jogador Alisson, que ficou caído no chão.

Aos 27′, mais uma tentativa do time tricolor. Pepê aproveitou a lambança de Saravia, invadiu a área e tocou para Alisson, que chutou. A bola saiu e o goleiro Marcelo Lomba cobrou o escanteio.

O Grêmio explorava muito bem a velocidade de Alisson e Orejuela contra Matheus Jussa – que não é da posição. O time Tricolor encontrava espaços pelos lados do campo. E o Inter não conseguia engrenar o seu jogo.

Leia também:  O Inter informa o retorno aos treinamentos

Aos 35, um bom momento do Inter, Cuesta lançou às costas de Rodrigues. Marcos Guilherme cruzou para Galhardo que cabeceou. Vanderlei segurou sem dificuldade.

Aos 39′, mais um cartão. Lucas Silva deu uma entrada forte em Marcos Guilherme e recebeu o cartão amarelo no mesmo minuto.

Aos 42′, após cobrança de lateral, Zé Gabriel cortou errado. A bola sobrou para Orejuela, que soltou a bomba, mas a bola saiu para a linha de fundo.

Fim de primeiro e o jogo se mantinha empatado.

Ao apito do segundo tempo, o jogo ainda estava frenético com os dois times tentando chegar perto do gol, para abrir o placar.

Aos 12′, o Inter tentou! Abel Hernández roubou a bola de Matheus Henrique e tocou para Boschilia. O meia cruzou na cabeça de Thiago Galhardo. Vanderlei defendeu, evitando o gol do Inter.

Aos 17′, Pepê avançou com a bola e tocou para Matheus Henrique. O camisa 7 acionou Orejuela, que cruzou, mas exagerou na força e o zagueiro Cuesta ficou com a bola.

Aos 22′, a chance mais concreta do segundo tempo. Na correria, Pepê recebeu de Diego Souza e tentou encobrir Lomba, mas chutou para fora.

Aos 27′ Alisson recebeu na direita, chamou Musto para dançar, invadiu a área e chutou cruzado. A bola foi para fora.

Mas aos 28′, o tricolor abriu o placar no Beira-Rio. Pepê recebeu de Darlan, limpou e chutou no canto esquerdo de Lomba, que saltou, mas não alcançou a bola. 1×0 para Grêmio.

Aos 30′, o Inter tentou responder. Abel Hernández girou e tentou um volei. Vanderlei fez a defesa.

Mas aos 31′, as mudanças começaram a acontecer. No colorado, saiu Rodrigo Lindoso para a entrada de D’Alessandro e Marcos Guilherme para a entrada de Leandro Fernández.

Leia também:  Confira o esquema de trânsito e transporte para Inter e Universidad Católica

Aos 36′, saiu do lado tricolor. 3 em sequência. Saiu Pepê, com câimbras, para a entrada de Luiz Fernando. Darlan saiu para a entrada de Robinho e Diego Souza saiu para a entrada de Isaque.

E o cartão amarelo saiu mais uma vez aos 43′ minutos. Leandro Fernández foi punido por agarrar Luiz Fernando.

Aos 44′, Alisson saiu para a entrada de Guilherme Azevedo.

E aos 49′, o Grêmio tentou o último com Orejuela que recebeu na direita, driblou Jussa mas a bola desvia e sai.

E aos 50′, fim de jogo! O Grêmio vence o jogo por 1 a 0.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

O Sul

Continue lendo

Esporte

Grêmio e Inter se enfrentam pela Libertadores

Publicado

dia

Por

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A dupla Grenal volta a se enfrentar pela Libertadores nesta quarta-feira (23), a partir das 21h30 (de Brasília), no estádio Beira-Rio. O clássico de número de 427 ocorre 6 meses depois do primeiro duelo na história pela competição sul-americana, marcado pela pancadaria em campo e oito expulsões, quatro de cada lado.

Inter de Eduardo Coudet:

O técnico argentino deve ter em campo os seguintes jogadores:

Marcelo Lomba; Saravia, Zé Gabriel, Víctor Cuesta e Uendel; Musto, Nonato, Lindoso e Boschilia; Thiago Galhardo e Abel Hernández;

Grêmio de Renato Portaluppi:

O tricolor deve ter em campo os seguintes jogadores:

Vanderlei; Victor Ferraz, Rodrigues, Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva, Matheus Henrique e Darlan; Pepê, Alisson e Diego Souza; 

Arbitragem;

Patrício Loustau apita a partida, auxiliado por Ezequiel Brailovsky e Diego Bonfa. Facunto Tello será o quarto arbitro. O quarteto é da Argentina.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

O Sul

Continue lendo

Newsletter

Receba as Notícias do site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana